Celebra-se em 17 de Maio o Dia Internacional contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia (IDAHOT)

Para Portugal, e para a União Europeia, a Igualdade e a Não-Discriminação constituem uma prioridade. O Governo português, em todos os seus domínios de atuação, e nomeadamente por intermédio da Secretaria de Estado para a Cidadania e Igualdade, promove ativamente estes princípios e desenvolve iniciativas no sentido de tornar claro que os direitos das pessoas LGBTI são Direitos Humanos, e que deve existir tolerância zero perante todas as formas de violência contra pessoas LGBTI.

Essa posição de princípio é concretizada por um conjunto de medidas legislativas de apoio financeiro, clínico, social e de outra natureza, a pessoas LGBTI que sejam vítimas de discriminação e / ou violência (www.cig.gov.pt).

 

LGBTI 2021

A Presidente da Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género (CIG), Sandra Ribeiro, hasteou hoje, 17 de maio, as bandeiras Arco-íris e Trans, como forma de assinalar o Dia Internacional Contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia.

Veja aqui o webinar "Together with LGBTI persons: paces, challenges and dialogues" organizado pela Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia: https://www.youtube.com/watch?v=7ZXs2LSIkz8

- Siga aqui o webinar "Experiências e boas práticas na intervenção LGBTI": https://us02web.zoom.us/j/84299232152

A discriminação nunca é só "um problema dos outros"; ela é um problema e uma responsabilidade de todos nós; por isso devemos assumir uma posição firme contra todas as formas de discriminação e violência, sejam elas quais forem, e onde quer que aconteçam, no trabalho, na rua, ou em casa.

  • Partilhe